Início > Noticias > Fórum Mundial da Água abre consulta pública online com participação de agência da ONU

Fórum Mundial da Água abre consulta pública online com participação de agência da ONU

Em 2018, Brasília sediará o 8º Fórum Mundial da Água, evento que reunirá os principais especialistas, gestores e organismos envolvidos na gestão e preservação dos recursos hídricos do planeta. Em fevereiro, a organização do evento deu início na segunda-feira (13) a uma consulta pública que receberá contribuições online de qualquer pessoa interessada em debater os temas do encontro.

Na plataforma “Sua Voz”, é possível participar de seis salas virtuais de discussões, divididas entre os seguintes temas: clima; pessoas; desenvolvimento; urbano; ecossistemas; e finanças. A Cap-Net, rede de capacitação em gestão da água do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), atuará como moderadora dos debates do espaço sobre desenvolvimento.

A equipe do Fórum esclarece que o portal é um lugar para que indivíduos de diferentes partes do mundo possam expressar suas opiniões e compartilhar experiências capazes de enriquecer as discussões sobre políticas de recursos hídricos.

Saiba como participar clicando aqui.

A primeira rodada das consultas públicas terá duração de oito semanas e deverá se encerrar em meados de abril. As consultas seguirão após esse primeiro momento. Em seguida, o Fórum realizará uma votação global para identificar os temas considerados mais relevantes pela população. Todas as discussões são moderadas também pela Agência Nacional de Águas (ANA) do Brasil, instituição parceira e responsável pela organização do evento.

8º Fórum Mundial

O 8º Fórum Mundial acontecerá em Brasília dos dias 18 a 23 de março de 2018. O evento contribui para os diálogos que orientam processos decisórios globais sobre o uso racional e sustentável da água.

O encontro é organizado pelo Conselho Mundial da Água, instituição que reúne cerca de 400 organismos internacionais, governamentais, da sociedade civil, do setor privado e da academia. Essas entidades parceiras estão espalhadas por aproximadamente 70 países.

Entre os membros do Conselho, estão a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), o Banco Mundial e o Programa das Nações Unidas para Assentamentos Humanos (ONU-HABITAT). A Convenção Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC) recebeu em janeiro de 2017 o estatuto de membro-observador.

Matéria originalmente publicada no portal da ONU Brasil.