Início > Noticias > Eixo central de Lisboa é renovado com espaços a pedestres e ciclistas

Eixo central de Lisboa é renovado com espaços a pedestres e ciclistas

Inaugurado no dia 22 de janeiro, projeto da Câmara de Lisboa reduziu espaço para o carro e ampliou calçadas, implantou ciclovias e novas áreas verdes.

Portal Mobilize - Mobilidade Urbana Sustentável 

Lisboa inaugurou, no dia 22 de janeiro último, a grande obra de requalificação do eixo central da cidade, com a criação de novos espaços verdes, ciclovias, ampliação das calçadas e a consequente redução de pistas para os automóveis na região conhecida como zona do Saldanha.

O projeto custou 7,5 milhões de euros, valor menor do que os 9,4 milhões de euros avaliados na licitação, explica o responsável pelo urbanismo da Câmara de Lisboa, Manuel Salgado. O prazo de execução também foi menor do que esperado e baixou de um ano para nove meses. 

O projeto integra o programa “Uma praça em cada bairro” que prevê intervenções em 30 pontos da cidade, sobretudo praças, mas também jardins e avenidas. 

"Temos hoje um espaço diferente, com passeios muito mais largos, com mais setecentas e cinquenta árvores plantadas, com passeios próprios para pessoas com mobilidade reduzida, mais de 400 faixas de pedestres, mais esplanadas e mais fruição do espaço público", explicou Fernando Medina, presidente da Câmara. 

A requalificação destes 30 locais integra o conceito Lisboa Cidade de Bairros e tem o objetivo estratégico de "melhorar a acessibilidade e circulação de pedestres, de forma a constituir uma rede de espaços caminháveis contínua, segura, eficaz, multifuncional e de acesso universal", completou Medina.

Créditos Fotos: Câmara de Lisboa/ Divulgação

Fonte: Mobilize Brasil/ Câmara de Lisboa

Matéria publicada no portal Mobilize - Mobilidade Urbana Sustentável

Leia também:

Calçadas, ciclovias e muito verde: revitalização de Lisboa inicia em març

Lisboa retira postes de sinalização redundantes para melhorar mobilidade

Cidades precisam "viver sem o carro", afirma premiê de Portugal