Início > Noticias > Assédio, desemprego e tempo com filhos são temas que mais preocupam mulher em SP

Assédio, desemprego e tempo com filhos são temas que mais preocupam mulher em SP

Em entrevista à Rádio CBN, o coordenador-geral do Programa Cidades Sustentáveis e da Rede Nossa São Paulo, Jorge Abrahão, e a pesquisadora da Unifesp Esther Solano abordam as dificuldades enfrentadas pelas mulheres e como as cidades podem contribuir para uma maior igualdade de gênero.

Um dos pontos destacados na entrevista foi a pesquisa "Viver em São Paulo: Mulher", cujos resultados foram apresentados na semana passada.

Realizada pela Rede Nossa São Paulo e o Ibope Inteligência, a pesquisa revela que 25% das mulheres que vivem na capital já sofreram assédio no transporte público

Além disso, são elas quem mais sofrem com o desemprego e apenas 10% dizem dividir igualmente com os parceiros a educação das crianças. 

Confira aqui a entrevista do Jorge Abrahão e da Esther Solano à Rádio CBN.